Taxas para comprar um veículo no Rio de Janeiro em 2020

Comprar um carro novo a partir do concessionário no Brasil é uma transação muito direta, como é na maioria dos países. As principais diferenças aqui são o número excessivo e o montante dos impostos e taxas envolvidos, que no caso são muitos. E os valores para o ano de 2020 devem interferir bastante para quem pretende adquirir um 0 km no ano de 2020.

O Valor do IPVA RJ 2020, por exemplo, possuem alíquotas que vão de 2,5% a 3,5% de acordo com a categoria do veículo. Sendo assim, para quem compra um carro no valor de R$ 40.000,00 (valor médio da categoria popular) no início do ano já tem que contar que vai precisar pagar IPVA 2020 de uma média de R$ 400,00 a R$ 500,00 dependendo do valor venal veículo na tabela FIPE.

Taxas para comprar um veículo

Além dos 6 impostos que já estão escondidos no preço Autocolante do veículo, Você também estará pagando um imposto chamado IPI (Imposto sobre produtos industriais). Em seguida, haverá o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) que vai pagar a cada ano, o DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre), que é o seguro obrigatório pago. Ambos IPVA e DPVAT são pagos ao licenciar o seu carro a cada ano. Também na compra o veículo deve ser inspecionado por DETRAN para que haja uma taxa para isso, as taxas de transferência pagas ao Cartório (através do concessionário),

Se o governo conseguir aprovar a reintrodução do CPMF (Contribuição provisória sobre movimento financeiro), também o pagará através do seu banco. Se os fundos para comprar o veículo são transferidos do exterior, então você também vai acabar pagando IOF (Imposto sobre Operações Financeiras).

Você também terá a taxa anual de licença e se o financiamento do veículo você terá muito provavelmente que comprar auto seguro sobre e acima do DPVAT obrigatório – que a partir de 2020 não será mais obrigatório. 

Então, é claro, há o imposto DETPAN VIB (burro o suficiente para comprar um veículo no Brasil)… ou pelo menos deve haver, uma vez que a maioria dos veículos são importados, você paga um imposto de importação de 60% em cima de tudo o resto, e aqueles que não são importados já são mais caros do que o mesmo veículo nos EUA.

Comprar um veículo usado (adoro o termo Brasileiro “Semi-Novo”)… negócio assustador e eu pessoalmente recomendo que você evite a todo custo. Você vai pagar todos os impostos e taxas acima, você precisa orar para o seu “poder superior” que o proprietário anterior não acumulou milhares de Reais em multas de trânsito, porque aqueles ficam com o veículo e se não pagar, adivinha quem fica preso com o pagamento deles? Sim, estás em apuros por eles. Veículos usados comprados a partir de concessionários geralmente vêm com uma garantia de 90 dias, a menos que o carro é tão novo que ainda está coberto pela garantia do fabricante.

Para quem reside no rio de Janeiro também estão sujeitos ao “Rodízio” e eu não estou falando sobre o “tudo que você pode comer churrasco restaurantes ou pizzarias” este termo refere-se a um dia por semana proibição de conduzir o seu veículo na parte central do Rio de Janeiro e o dia é determinado pelo último número da placa de licença, coisa que também acontece em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *